Ambientes públicos fechados que exigem a necessidade de ar condicionado como, por exemplo, os ônibus, podem contribuir significativamente para a disseminação de doenças respiratórias. Os sistemas de climatização possuem um filtro de ar e, se não for tomado os devidos cuidados com higienização, pode ser um grande proliferador dessas doenças respiratórias, além de ser um difusor de ácaros, fungos, vírus e outras bactérias que podem causar doenças como bronquite, rinite, gripe, meningite, entre ouras doenças.

 

O filtro de ar destes veículos deve ter uma limpeza regular e é recomendável que essa limpeza ocorra mensalmente. Além desta limpeza, o sistema completo deve ser higienizado ao menos uma vez a cada ano de uso.

 

No intuito de garantir a satisfação dos usuários do seu serviço de transporte é preciso que a empresa invista em serviços que possam proporcionar a limpeza deste importante sistema e somente profissionais qualificados podem efetuar corretamente essa manutenção preventiva.

 

Atualmente, existem várias associações de profissionais disponíveis para oferecer cursos na área, parcerias e projetos de cooperação técnica. Existe também uma normativa da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que determina os padrões referenciais de qualidade do ar. Fique atento com esta manutenção para evitar possíveis multas pelo descumprimento de normas.

 

A Jumbo Turismo mantém a inspeção do ar condicionado de seus ônibus para garantir o conforto e bem estar de seus passageiros.

 

 

Fonte: Zeon

Imagem: Bigstockby DMPhoto