Apenas 7 veículos não passaram na inspeção ambiental da frota de 2.121 ônibus por fretamento, realizada pela Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente de São Paulo.

Muitas pessoas acreditam que os vilões da poluição atmosférica nas grandes cidades são veículos de grande porte, entre eles ônibus e caminhões.Na cidade de São Paulo, parece que a premissa, de agora em diante, será diferente. De acordo com Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente, dos 2.121 ônibus fretados vistoriados e 2114 foram aprovados.Segundo Jorge Miguel dos Santos, diretor executivo do Transfretur e assessor da FRESP – Federação das Empresas de Transportes de Passageiros por Fretamento do Estado de São Paulo, essa é a comprovação que a utilização dos ônibus por fretamento pela população contribui para a preservação do meio ambiente.“É lógico que estamos falando da frota regularizada. Não buscamos culpar um ou outro que mais polui a cidade e sim elucidar a população em geral. É necessário que o ônibus esteja com a sua parte mecânica em ordem para que não traga prejuízos à cidade e, conseqüentemente, ao ar que respiramos”, explica Santos.
leia mais